segunda-feira, 30 de Janeiro de 2012

Companheiras de Dieta - Resultados da 3ª semana

Esta semana ganhei mais uma companheira de dieta, já somos 4! :)



Uma das meninas ganhou peso porque portou-se mal: Comeu doces, comeu fritos e outras tentações... A balança não perdoa estes deslizes, mas o importante é não desistir. 
Qualquer um pode cair em tentação, não pode é tornar isso um hábito. De seguida há que retomar novamente a dieta sem desanimar. 

Mas o balanço é muito positivo, pelo gráfico podem ver o peso decrescendo e isso é animador!

 

domingo, 29 de Janeiro de 2012

Gestão do peso em análise

Os conselhos e as estratégias da fisiologista Teresa Branco para gerir o peso e contrariar a não sustentabilidade de alguns métodos.

Faz retenção de líquidos? Beba chá de cavalinha


A cavalinha tem origem pré-histórica e parece um bambu fino e sem folhas.

O Chá de cavalinha é diurético, anti-inflamatório, adstringente geniturinário e revitalizante, além de ter propriedades diuréticas o que ajuda a desintoxicar o organismo.

Este chá é indicado para osteoporose, acido úrico, anemia, ansiedade, arteriosclerose, bexiga, blenorragia, cálculos renais, celulite, estrias, rins, pulmões, o baço, flacidez da pele e músculos, enurese, menstruações excessivas, obesidade, pedra na vesícula e rins, hipertensão, retenção de líquidos, reumatismo e stress.
 O chá de cavalinha favorece a dieta essencialmente devido ao seu poder diurético. Ao consumir chás diuréticos a pessoa perde líquido, tonifica, revitaliza e melhora a produção de fluidos entre as células. Os chás diuréticos fazem emagrecer porque aumentam o trabalho dos rins e com isso o organismo liberta uma quantidade maior de calorias.

Benefícios do chá verde


O chá verde é uma bebida capaz de reduzir a gordura abdominal e ajuda ainda a manter o peso. Aliado a um estilo de vida activa e a uma alimentação equilibrada, o chá verde faz aumentar os gastos energéticos e auxilia a "queimar" as reservas de gordura.

Veja o próximo vídeo e confira:



quinta-feira, 26 de Janeiro de 2012

Controle a quantidade daquilo que come

Se quer emagrecer saudavelmente tem que ter paciência e entender que demora tempo a tornar-se saudável e a emagrecer de forma correcta.

Primeiro de tudo convém ter uma noção exacta da quantidade de comida que anda a ingerir. Quando termina uma refeição sente que está satisfeito, sem se sentir cheio? Ou, por outro lado, sente-se cheio e culpado por ter comido demasiado? O correcto é ter saciado a fome sem sentir-se cheio.

Se o bom senso lhe diz que anda a comer mais do que deve, esse é um sinal óbvio de que tem de reduzir a quantidade daquilo que come. Um truque para enganar o cérebro é substituir o prato em que regularmente come por um mais pequeno. Dessa forma irá reduzir consideravelmente aquilo que ingere, quase sem dar conta. O efeito visual de um prato pequeno cheio é mais agradável que o de um prato grande com uma quantidade de comida reduzida.  A próxima imagem é a prova disso, ora veja:


O seu cérebro quando vê o prato grande com espaço livre assume que tem menos comida do que o prato pequeno, quando na realidade tem a mesma quantidade de comida.

Ao trocar o seu prato habitual por um prato mais pequeno estima-se que se esteja a cortar 22% das calorias, por isso prestem mais atenção ao tamanho dos vossos pratos e tigelas e experimentem trocá-los por mais pequenos. Grande parte daquilo que comemos é condicionado por vários aspectos, sem ser o próprio alimento, uma delas é a forma como o alimento nos é apresentado.

terça-feira, 24 de Janeiro de 2012

Reeducação alimentar - Conselhos Básicos


  • Faça pelo menos cinco refeições durante o dia, com pequenas quantidades 
  • Beba de 8 a 10 copos de água por dia 
  • Coma alimentos ricos em fibras 
  • Substitua refrigerantes por sucos de frutas 
  • Evite gorduras, especialmente fritos 
  • Dê preferência a carnes magras 
  • Substitua açúcar por adoçante 
  • Mastigue bem os alimentos

E não se esqueça de que exercício físico é fundamental!

segunda-feira, 23 de Janeiro de 2012

Companheiras de Dieta - Resultados da 2ª semana

O peso perdido desta semana foi menor, o que é normal porque na semana anterior fizemos um "corte radical" nos alimentos que prejudicam à redução de peso e que infelizmente andámos a comer em excesso na época natalícia. Agora o corpo começa a habituar-se à nova realidade e os progressos estão mais lentos, mas mesmo assim os resultados foram positivos e sentimo-nos todas menos "inchadas".
No total destas 2 semanas já perdemos 7,400kg.


Basicamente o que andamos a tentar fazer  é o seguinte:
  • Manter um diário de alimentação atualizado (o facto de se registar o que se come leva-nos a refletir sobre o que andamos a ingerir.)
  • Reduzir o consumo de hidratos de carbono (pão só ao pequeno almoço)
  • Beber pelo menos 1 litro de água e/ou chá por dia.
  • Fazer 6 refeições por dia (pequeno-almoço, lanche, almoço, lanche, jantar, lanche)
  • Optar por produtos lacticínios desnatados (iogurtes, leite e queijos magros)
  • Comer mais frutas e legumes
  • Optar por carnes magras, peixe e aves (cozidas, grelhadas ou assadas)
  • Nada de doces (excepcionalmente só em dias de festa e sem exageros)
  • Nada de fritos
  • Fazer algum exercício físico (Andamos todas a introduzir o exercício gradualmente no nosso dia-a-dia, no nosso grupo cada uma optou por uma modalidade diferente: Zumba, Karaté e caminhadas)

sábado, 21 de Janeiro de 2012

A importância da fibra na sua alimentação


A fibra alimentar é sobretudo matéria vegetal indigesta sem valor nutritivo. Não pode ser absorvida; actua como agente de limpeza do sistema digestivo e como filtro de excesso de colestrol nos sucos gástricos, essenciais para a manutenção das bactérias intestinais. Os hidratos de carbono ricos em fibra têm geralmente níveis de IG (indíce glicémico) baixos e ajudam a mitigar a sensação de fome. Uma dieta rica em fibra é benéfica para doentes de diabetes de tipo 2, e os nutricionistas afirmam que uma dieta sã deve incluir pelo menos 30g diários de fibra. Podemos encontrá-la nos cereais integrais, nas sêmeas, no pão, na fruta com casca e nas verduras.

segunda-feira, 16 de Janeiro de 2012

Diet Buddies - Resultados da 1ª semana

A estratégia de ter companheiras de dieta começa a dar frutos. Eis os resultados da primeira semana :-)

Foto de Triwest.com




A menina que perdeu mais peso foi a que fez exercício físico!

segunda-feira, 9 de Janeiro de 2012

Diet Buddies

Encontrar uma companheira de dieta pode ser muito útil quando se pretende perder peso. Juntas podem definir objetivos e acompanhar o progresso uma da outra mantendo-se mutuamente motivadas. Um parceira de dieta é também uma grande fonte de encorajamento e apoio nessa jornada que por vezes é muito difícil.

Bem, o recomeço da dieta não correu bem. Perdi umas gramas antes do Natal, mas a partir daí foi o descalabro. Aqui, nos Açores a partir da noite da consoada, com a tradição do "Menino Mija", há guloseimas por todo o lado até ao Dia de Reis e eu não lhes resisti...

Mas porque eu nunca desisto, recomecei hoje novamente a dieta e desta vez arranjei quem fique de olho em mim, ou seja, arranjei uma parceira para esta batalha. Ambas temos um objetivo comum: Perder Peso! Então agora temos um diário onde registamos tudo: O nosso peso inicial, o IMC, a percentagem de Massa Gorda, o nosso objetivo final,  tudo o que comemos, tudo o bebemos, exercício praticado, as dificuldades sentidas, etc. Todas as semanas pesamo-nos e remetemos o diário uma à outra. Depois aguardamos pelo feedback da companheira que nos elogia ou nos "dá na cabeça" conforme o caso :-)