quarta-feira, 2 de novembro de 2011

help


Infelizmente quando fico algum tempo sem dizer nada é sinal de que não ando a perder peso. Nas refeições principais continuo a comer comida saudável, mas não consigo resistir ao pão e, de vez em quando, a alguns doces... Consegui viver muito tempo seguindo a dieta ampla da Naturhouse, mas ultimamente não consigo. Sinto falta dos hidratos de carbono!


Preciso urgentemente de arranjar um plano alimentar menos restritivo e que o possa seguir para o resto da vida sem entrar em desespero :)

5 comentários:

Susana disse...

Amiga, não entres em desespero vais ver que consegues! Eu sei o que custa, pois ando nisso à muitos anos, umas vezes melhor que as outras. O importante é saberes o que te faz bem e o que o teu corpo precisa. Bebe bastante água e come mais vezes com intervalos curtos.
Hhah, é é muito importante fazer um exercíciozinho :)
Num bocadinho podes mesmo ir à internet que tem videos muito bons. E podes fazer mesmo no meio na sala... não importa se chove lá fora!lol
Pior estou eu que agora vou ter que ficar em repouso devido à cirurgia que vou fazer às varizes! Até tenho medo!

Força amiga e sempre que comas uma coisa que te apeteça (sim, porque ninguém é de ferro)no outro dia corta um bocadinho.

Beijinhos

Just Me disse...

Não estás sozinha, eu "sofro" do mesmo mal. Até como muita comida saudável, com pouca gordura... mas o pão e os docinhos... ui que perdição! Estou de acordo com a Susana, o exercício é fundamental que queremos "pecar" de vez em quando! Boa dieta! :)

melo disse...

Passei a grande parte da minha vida em dietas. Emagrecia engordava, quando volta a comer normalmente.
Solução gosto de comer, fui para o ginásio no minimo 4x semana, perdi 8 Kg e tenho conseguido manter.
Claro tenho algum cuidado, evito hidratos de carbano a noite. Sei que o exercicio físico tem de ser para o vida...

Moira disse...

Manelita,
Como eu te compreendo, acho que só quem tem que fazer dieta se vê confrontado com escolhas, mas é isso que vais ter que fazer.
Opta por fazer exercício, 30 minutos por dia é o bastante, mas tens que ser disciplinada. Quanto ao pão optei por o comer de manhã, deixei de comer pão de trigo branco e passei a fazer o meu pão com misturas de trigo e centeio, ou espelta ou trigo sarraceno ou integral. Resumindo passei a comer pão escuro e por isso menos refinado, mas eu não podia passar as torradas da manhã, o meu pequeno almoço preferido :) Como poucos ou nenhuns doces, excepções para dias de festa ou aniversários e nessas alturas opto pelos que me parecem menos calóricos, mousses e pudins, fugindo daqueles que conjugam gosturas com hidratos de carbono (bolos).
Como muitos vegetais como acompanhamento de carne e peixe reduzindo assim a quantidade de batata, arroz e massa guardando estes ingredientes para pratos onde são imprescindíveis como por exemplo um arroz de polvo.
De resto é comer pouco, várias vezes ao dia e assim me tenho mantido há cerca de 10 anos, claro que depois de ter terminado a dieta acompanhada pelo médico vestia 36 e agora visto 38 ou 40 consoante o modelito, mas nunca mais vesti 46 e por isso sinto-me feliz.
Já agora quando quiseres comer arroz como acompanhamento, opta pelo arroz basmati de todos é o que menos faz engordar.
Força miúda!
Beijocas
Manuela

Paula disse...

Manuela, eu também sou assim. Acho que a melhor forma de controlar o peso é fazer pelo menos meia hora de exercício por dia (basta uma caminhada) e não comer os hidratos de carbono à noite.
O livro "Dietas Sem Dieta", da Paula Veloso não é muito restritivo e tem boas dicas... Boa sorte, beijinhos.